Empregos

Conheça o programa jovem aprendiz

Quem está no programa jovem aprendiz tem as melhores oportunidades de crescer dentro da sua empresa!

Anúncios

O Jovem aprendiz: mesmos direitos da CLT e menos horas de trabalho

Participe do programa jovem aprendiz (Fonte: Aprendiz legal/Informação & Valor)
Participe do programa jovem aprendiz (Fonte: Aprendiz legal/Informação & Valor)

Quem está em busca da primeira oportunidade no mercado de trabalho pode entrar nas empresas através do programa jovem aprendiz, uma iniciativa prevista na lei há mais de 20 anos.

Veja como se cadastrar no programa jovem aprendiz

Participar do programa jovem aprendiz é muito simples e você pode conferir o passo a passo clicando aqui!

Nesse sentido, o programa garante os mesmos direitos de quem entra no regime padrão da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), como férias remuneradas e o 13º salário. Confira!

O que é o programa jovem aprendiz?

O Programa jovem aprendiz é a oportunidade de começar a trabalhar para quem é jovem ou adolescente. Isso porque essa iniciativa permite que os jovens de 14 a 24 anos comecem a trabalhar num regime mais flexível e com objetivo de se desenvolver profissionalmente durante o prazo de dois anos.

Quem entra no mercado através do Aprendiz Legal, além de exercer suas atividades práticas no dia a dia, também precisa continuar aprendendo. Dessa forma, as empresas que contratam o jovem aprendiz deve criar uma escala compatível com os horários da escola ou faculdade do jovem.

Veja também nosso conteúdo recomendado de hoje!

Você pode ganhar R$2 mil como entregador Rappi

Como entregador do Rappi o trabalho e o salário são garantidos. Conheça essa nova oportunidade!

O programa jovem aprendiz está previsto na Lei da Aprendizagem n° 10097 garante que as empresas contratem os aprendizes ao passo que aumentam o seu efetivo. Sendo assim, é obrigatório que os estabelecimentos tenham de 5% a 15% de aprendizes.

Portanto, esse regime de contratação beneficia não apenas o jovem, que quer e precisa de uma oportunidade de trabalho, mas também a empresa, que pode garantir um ótimo profissional no futuro. Assim, ambas as partes têm a oportunidade de se desenvolver no mercado e atingir níveis profissionais cada vez mais altos.

O que o jovem aprendiz faz?

Em suma, o jovem aprendiz é um novo profissional em fase de constante aprendizado e por isso as empresas costumam aproveitar esses trabalhadores em diversos setores. No gera, a maioria dos aprendizes costuma assumir cargos administrativos dentro das empresas, mas também é necessário estar pronto para tudo.

Comumente o jovem aprendiz atua nas áreas de administração, atendimento ao cliente, logística, recursos Humanos e Financeiro. São os cargos mais ocupados são:

  • Aprendiz na área Administrativa.
  • Aprendiz na área Comercial.
  • Jovem aprendiz na área Contábil.
  • Aprendiz na área de Atendimento.
  • Aprendiz na área de Cobrança.
  • Jovem aprendiz na área de Construção Civil.
  • Jovem aprendiz na área de Cozinha.
  • Aprendiz na área de Departamento Pessoal.

Vale lembrar que as vagas mais buscadas pelos jovens são em redes bancárias, pois além da boa remuneração, é bem comum que as instituições financeiras trabalhem com a progressão de carreira. Então, fica mais fácil conseguir a efetivação após encerrar o contrato de aprendiz.

Quais são os direitos do jovem aprendiz?

Mesmo em um formato de trabalho um pouco diferente, o contrato de trabalhista do jovem aprendiz também está sob tutela da lei. Dessa forma, o contrato de aprendizagem precisa constar na Carteira de Trabalho e na Previdência Social (CTPS), garantindo seus direitos trabalhistas e também os previdenciários. 

Assim, o jovem aprendiz tem direito a receber um salário mensal compatível ao de mercado, férias remuneradas, 13º salário e muitos outros. Então veja quais são os benefícios de ser um jovem aprendiz:

  • Receber um curso de treinamento no seu ramo de trabalho na empresa;
  • Receber uma jornada de trabalho máxima 6 horas por dia, uma duração inferior a quem tem um trabalho com contrato padrão, que exige 8 horas
  • O menor não pode ser obrigado a realizar horas extra;
  • Ter o contrato trabalhista registrado com certificação na Carteira de Trabalho;
  • Direito a férias remuneradas no mesmo período das férias escolares ou da universidade;
  • Direito a receber o  13º salário;
  • Tem que registrar 2% da remuneração como contribuição ao FGTS;
  • Vale-transporte, nos casos em que for necessário;
  • Vale-refeição, quando se aplica ao caso;
  • Contrato de duração máxima de 2 anos e com possibilidade de efetivação quando for do interesse da empresa;
  • Para o sexo masculino: garantia dos pagamentos do FGTS caso haja necessidade de afastamento para servir ao Exército Brasileiro.

Portanto, vimos que o jovem aprendiz tem realmente tem direitos semelhantes aos outros profissionais em contratos trabalhistas comuns. Todavia, você sabe qual é o salário compatível ao mercado que o aprendiz recebe? Se não, venha entender um pouco mais sobre a remuneração do jovem aprendiz.

Salário do jovem aprendiz é bom?

Programa jovem aprendiz (Fonte: Freepik)

Segundo as informações do Glassdoor, portal de colaboração de informações sobre cargos e empresas, o salário médio do jovem aprendiz em 2022 está em torno dos R$800. Então esse é um valor no qual você pode tranquilamente se guiar no momento de pesquisar vagas ou negociar com a empresa. 

Vale deixar claro que o salário do jovem aprendiz depende bastante de empresa para empresa e também conforme suas condições de trabalho no geral. Por exemplo, quem tem uma jornada maior, precisa de vale-refeição e transporte, pode ganhar mais do que uma pessoa que trabalha menos e não precisa desses tickets.

Ademais, a remuneração do aprendiz tem o salário mínimo como base e nesse caso é importante destacar que atualmente esse piso está nos R$1212, mas deve aumentar no próximo ano.

Por que fazer o jovem aprendiz?

Um bom início de carreira

Até aqui já vimos diversos pontos sobre o contrato de um jovem aprendiz e com isso acreditamos haver mais vantagens que desvantagens nessa oportunidade. No geral, você que ainda não tem experiência no mercado de trabalho tem a chance de iniciar sua carreira aprendendo bastante e no momento correto. 

Desenvolvimento profissional e jornadas reduzidas

Além disso, mesmo que a remuneração não seja tão alta, acreditamos que o salário médio é o suficiente para pessoas que estão entrando agora nas empresas. Outro ponto importante é que você continua estudando e não tem jornadas exaustivas de trabalho, ou seja, você terá mais tempo para se aprimorar profissionalmente. 

Possibilidade de efetivação

Os contratos nesse programa tem no máximo dois anos de duração, o que já é um ótimo tempo de trabalho. Ainda assim, os aprendizes que se destacam em suas empresas têm grandes chances de continuar trabalhando após o fim do contrato, desde que sejam efetivados. Essa é uma ótima oportunidade para quem está iniciando suas atividades

Então, esses são alguns motivos que realmente fazem o contrato de jovem aprendiz ser bastante atrativo e vantajoso. Aproveite que agora você já está por dentro das informações mais especiais sobre essas vagas e venha entender como se tornar um aprendiz ainda esse ano. Para isso confira o nosso conteúdo recomendado sobre como ser aprendiz!

Cadastre-se no programa jovem aprendiz

Veja como se cadastrar e concorrer a uma vaga no programa jovem aprendiz. Saiba tudo!

Em Alta

content

Viaje de Buser pelo menor preço – até 50% OFF

A Buser traz ótimas oportunidades apara quem quer viajar com até 50% de desconto nas passagens. Confira como isso funciona agora mesmo!

Continue lendo
content

Veja como comprar passagens de ônibus online pagando menos que na rodoviária

Encontre o menor preço de passagem com a 123 Ônibus e não perca tempo para organizar suas próximas férias. Veja agora como funciona!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Glucose Buddy: monitore sua glicose pelo celular

O Glucose Buddy é o aplicativo ideal para monitorar seus níveis de glicose de forma conveniente. Registre e acompanhe seus dados diários!

Continue lendo
content

Air Pacific: a principal companhia aérea das ilhas Fiji

A Air Pacific, também conhecida como Fiji Airways, oferece voos para mais de 13 países na Ásia, América do Norte e Pacífico Sul!

Continue lendo